Notícias da semana destaca o anúncio de uma grande alegria

Santa Maria, RS, 21 de dezembro de 2018.

Saudações…

“Eu vos anuncio uma grande alegria…” (Lc 2, 10)

Caros coirmãos… A grande alegria do Povo, escolhido e amado por Deus, se concretiza com o nascimento do Salvador.  Já o Profeta Isaías, no capítulo 9, preparava as gerações futuras para este acontecimento com as palavras: “o povo que andava na escuridão viu uma grande luz; porque nasceu para nós um menino, um filho nos foi dado; o nome dele é Conselheiro admirável, Deus forte, Pai dos tempos futuros, Príncipe da Paz” (cf. Is 9, 1-6). Assim, na plenitude do amor do Pai, a promessa se cumpriu e recebemos como graça um menino, que nos veio da ação criadora do Espírito, que o gerou no seio de Maria.

Nascendo de uma Virgem, pela ação do Espírito, fica claro que ele é um verdadeiro presente de Deus à humanidade. Um presente que a humanidade jamais poderia dar-se a si mesma. Um evento prodigioso que nos mostra que Ele veio do alto. Por outro lado, nascendo de uma mulher fica claro que Ele também é plenamente humano. Assim, o menino que nos foi dado do alto, nasceu de uma virgem para significar que sua morada entre nós supera radicalmente as nossas possibilidades ou as nossas forças, e até mesmo as nossas expectativas.

O mistério de Deus é grande e profundo! Nossas pobres palavras podem apenas balbuciá-lo: “Senhor, maravilhosas são as vossas obras! E quão profundos os vossos desígnios!” (Sl 91,6). Ele veio restaurar a criação e levá-la à plenitude do Reino de Deus. Veio nos libertar do pecado e da morte e de todos os males e, garantir-nos a vida verdadeira. Veio nos apontar o caminho para a comunhão de vida com o próprio Deus, fonte da felicidade e da paz. A partir disso, sabemos que a verdadeira comunhão com Deus gera e sustenta em nós a autêntica comunhão com nossos semelhantes e com toda a criação.

Desse modo, no mistério do menino do presépio da Galiléia, é Deus mesmo quem visita seu povo. Por isso, a celebração do Natal deve nos levar à contemplação piedosa da extraordinária caridade manifestada no nascimento de Belém. Deus se faz uma frágil e indefesa criança; o Imenso, que nada pode conter, é reclinado numa manjedoura; Aquele que com seu braço forte rege o universo inteiro é acolhido e conduzido pelas mãos humanas; o Todo se esconde no fragmento; o Invisível se mostra visivelmente; Aquele que habita uma luz inacessível coloca-se ao nosso alcance! Ele é o “rosto humano de Deus”! Como não reconhecer que estas coisas extraordinárias aconteceram porque Deus ama ‘loucamente’ e sem medidas a sua Criação, e a cada um de nós em particular?

A partir disso, se Deus nos ama tanto, como não amá-lo também? A contemplação do mistério do Menino-Deus, nascido na periferia social de Belém e na periferia existencial de um povo pobre e sem esperança, não pode nos deixar indiferentes à tão grande amor e aos primeiros destinatários dessa nova esperança, os pobres. O amor é o vínculo da perfeição, nos diz o Evangelho. Por isso, ao recebermos o Amor de Deus no altar da Manjedoura, somos purificados e renovados para amá-Lo como convém e, n’Ele, amarmos nosso próximo com verdadeiro amor-doação. O amor vence nosso orgulho e nos abre para a infinitude da Verdade, do Bem e da Beleza. Ele enche de alegria nossa vida e dá sentido para o nosso caminho.

Por fim, sendo mistério de amor, o Natal deve suscitar em nós a caridade que renova todas as coisas. Ao celebrarmos o Natal, tendo os olhos voltados ao Menino-Deus, podemos exclamar com as palavras de São João: “Deus é amor” (1Jo 4,8). É importante que celebremos como comunidade esse Mistério da Encarnação para que, verdadeiramente, possamos celebrar como cristãos o Natal do Senhor! Que a nossa participação na liturgia seja repleta de admiração pelo mistério celebrado e que em nossa vida, aquilo que de Deus recebemos seja compartilhado.

Caro confrade lhe desejo um Feliz e Abençoado Natal! Que a presença do Deus Menino ilumine o seu caminho durante o Ano de 2019!

 NOTÍCIAS

 Nomeação Episcopal

Neste dia 19 de dezembro de 2018, o Papa Francisco nomeou o Revmo. Pe. João Aparecido Bergamasco SAC, Pároco da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, Fátima do Sul/MS, Bispo da Diocese de Corumbá, Mato Grosso do Sul, Brasil.

Expressamos a nossa profunda gratidão ao Papa Francisco por este dom precioso para a Sociedade do Apostolado Católico e para toda a Família Palotina. Parabenizamos o nosso confrade e desejamos ao Pe. João Aparecido um ministério episcopal profético a serviço da Igreja, no espírito do nosso Fundador, São Vicente Pallotti.

O Pe. João nasceu no dia 15 de maio de 1967, em Marabá, Tuneiras do Oeste, Diocese de Umuarama, Paraná. Estudou Filosofia e Teologia, no Colégio Máximo Palotino, em Santa Maria/RS. Em 1989 fez o noviciado em Porto Alegre/RS. A sua primeira consagração na SAC foi em 25 de março de 1990. Foi ordenado diácono no dia 31 de julho de 1993 em Santa Maria/RS, e presbítero no dia 26 de dezembro de 1993, em Perobal/PR.

Nestes 25 anos de ministério sacerdotal exerceu diversas atividades, tais como: vigário paroquial (Ariquemes, Cerejeiras, Porto Alegre, Coronel Vivida e Manaus); pároco (Iporã, Manaus e Fátima do Sul);  atuou na Gráfica Editora Pallotti, em São Leopoldo/RS; foi Animador Vocacional Provincial e Reitor do Seminário em Palotina/PR.

A nossa Oração ao Pe. João Aparecido pela nova missão junto a Diocese de Corumbá/MS.

A ordenação episcopal do Monsenhor João Aparecido está prevista para o dia 03 de março de 2019, 18h, na Catedral Divino Espírito Santo, em Umuarama/PR.

 Mensagem do Pe. Geral

 “Con grande gioia accogliamo la nomina del nostro confratello Pe. João Aparecido Bergamasco come Vescovo della Diocese de Corumbá, Mato Grosso do Sul, Brasil. È una grande benedizione per la provincia e per la Società. Pe. João Aparecido è un vero pastore secondo il cuore di Gesù, umile e generoso. Lo conosco bene. Dio ha esaltato questo servo fedele.

Oggi ho ricevuto anche il documento ufficile dalla Congregazione per i Vescovi. Prego per il confratello. E’ un compito grande senza dubbio.

Auguri al provinciale e a tutti i membri della provincia in questo momento gioioso. Una cosa toccante. Il funerale del nostro vescovo defunto Mons. Tomasso in India si è svolto il 18 dicembre. Il 19 dicembre il Papa ha nominato un altro giovane membro nostro come vescovo in Brasile. Dio è grande! Da tutto il Regime Generale, tantissimi auguri!!! Fraternamente in San Vincenzo, P.Jacob Nampudakam SAC.”

Rádio Vicente Pallotti 53 anos no ar

A Rádio Vicente Pallotti de Coronel Vivida (PR), fundada no dia 13 de dezembro de 1953, foi idealizada pelos Padres Palotinos João Justo Piovesan e Mateus Cassol, com o objetivo de ser a Rádio da Família. Sua programação diária é perpassada pelos valores ético-cristãos com informações, formação, entretenimento, alegria aos radiouvintes e patrocinadores.

Além da sua abrangência regional no sudoeste do Paraná, você pode acessar o site www.portalrvp.com.br ou baixar em seu celular o aplicativo Portal RVP para acompanhar ao vivo toda programação. É a Rádio Vicente Pallotti, fazendo a diferença no seu rádio!

 

Encontro de Vale Vêneto

 Acontece de 02 a 06 de janeiro de 2019, o nosso tradicional Encontro de Vale Vêneto. Momento especial de revermos os confrades e juntos confraternizarmos. O Pe. Lino Baggio, Reitor da Casasolicita aos Reitores Locais que informem quem serão os participantes de cada comunidade local. Esta informação é importante pois facilita a acolhida e a preparação do espaço. As informações enviem por e mail  [email protected] ou [email protected] até o dia 28 de dezembro de 2018.

Com o meu fraterno abraço e o desejo de vos encontrar na paz do Senhor, saúdo-vos em Cristo, Apóstolo do Eterno Pai.

Pe. Clesio Facco,SAC

Reitor Provincial

Compartilhe: